Guia de Uso - Sage One Emissor de Nota Fiscal
Atendimento via chat

Guia para o uso do Sage One

A documentação completa e formatada como um modelo passo a passo com tudo que você precisa saber para trabalhar mais rápido e melhor.

Assistente de configuração

Ao acessar pela primeira vez uma lista de passos é apresentada. Ao concluir o 4º passo você já pode emitir as primeiras notas. O último passo sugere que o usuário configure a integração com o Google Drive.

Assistente de configuração

Minha Empresa

Os campos de identificação são necessários porque estes dados aparecem nas notas fiscais que você emite. Além disso, o CNPJ junto com o certificado é o código que identifica sua empresa na hora de acessar os serviços de autorização do Estado.

Também é necessário informar alguns códigos:

* CRT - O Código de Regime Tributário serve para informar o regime de tributação da sua empresa (como Simples Nacional, ou Regime Normal);
* CNAE - O Código Nacional de Atividade Econômica diz qual atividade sua empresa exerce.

Se tiver dúvidas sobre que códigos utilizar contate um contabilista de sua confiança.

Para emitir notas é necessário também que o endereço da sua empresa esteja completo.

Minha Empresa

Configurar Certificado Digital

Nesse passo você pode fazer a carga do seu certificado digital A1 válido para emitir suas notas de produto ou serviços, ou um Certificado A3* válido para emitir suas notas de produto.

Para poder acessar os serviços do seu Estado é necessário possuir um Certificado Digital válido. O certificado digital garante que é realmente sua empresa que está enviando as notas. Além disso, as notas assinadas digitalmente com seu certificado não podem ser alteradas depois de autorizadas.

*Certificado A3 - somente para emissão de notas fiscais de produto.

Configurar Certificado Digital

Configuração de Nota de Produtos

Nessa seção pode ser ajustada a sequência de numeração e a categoria de tributação padrão. Além disso, você pode alternar para o ambiente de produção ou entrar em contingência.

Sugerimos que faça seus primeiros testes no ambiente de homologação que já vem habilitado por padrão. As notas emitidas nesse ambiente não têm validade fiscal e jurídica. Após concluir seus testes, você deve habilitar o ambiente de produção para que suas notas sejam válidas. Se sua empresa é optante pelo Simples Nacional as configurações de impostos já vem cadastradas. Mesmo assim é importante executar testes e validar junto ao seu contabilista.

Configuração de Nota de Produtos

Configuração de Notas de Serviços

No Sage One você também pode emitir notas de serviço para 200 municípios.

As configurações de nota de serviço incluem:

* Cidade - Estado: Se o seu município ainda não faz parte dessa lista, envie-nos uma mensagem para suporte.sageone.br@sage.com, solicitando a inclusão;
* Usuário e senha - A maioria dos municípios suportados exige apenas o certificado para a emissão das notas. Quando se tratar de município que exige usuário e senha, você pode informá-los aqui;
* Sequência da numeração - Se você já tem recibos emitidos em outro sistema, verifique qual foi o último número utilizado e informe a partir de qual número deseja continuar. Lembramos que a sequência das notas é controlada pelo seu município;
* Alíquotas padrão - Informe aqui as alíquotas para os tributos aplicados às suas notas de serviço.

Configuração de Notas de Serviços

Emitir nota de produtos

Finalmente podemos emitir a primeira nota fiscal. A partir da tela de edição você pode cadastrar clientes, natureza de operação e produtos. A tela mostra no canto superior direito a situação da nota. As situações podem ser :
* Rascunho - Notas que ainda estão sendo editadas
* Autorizada - Notas válidas e autorizadas pelo Estado;
* Rejeitada – Notas submetidas ao Estado, mas que não foram autorizadas por que contém erros.
* Cancelada – Notas que foram canceladas pelo sistema.
* Denegada – Notas que apesar de estarem registradas, não podem ser autorizadas por problemas com o cadastro do Estado;
* Inutilizada – Para justificar saltos na numeração deve se inutilizar os números não utilizados.

Emitir nota de produtos

Configurar Integração com Google Drive

Nesta seção você pode ativar a integração com o Google Drive.

Com a integração ativa suas notas de produtos são copiadas automaticamente na pasta de sua preferência dentro do seu Google Drive.

Apenas documentos processados pelo Estado (notas autorizadas, canceladas, denegadas e cartas de correção) são copiados.

Ao ativar a integração, você deve informar as credenciais da sua conta do Google.

Configurar Integração com Google Drive