3 dicas jurídicas essenciais para qualquer empresa
Atendimento via chat

3 dicas jurídicas essenciais para qualquer empresa

Reading time: 3 mins

homem de negócios sorrindo e fazendo sinal de positivoO mundo dos negócios envolve uma série de fatores e estar atualizado para evitar riscos é vital para qualquer empresário. Por isso, tenha em mente que a sua capacitação é necessária tanto no início quanto no decorrer das atividades de uma startup ou outro tipo de empresa. Saiba também que isso vai além de entender conceitos de administração, gestão financeira e vendas…

No Brasil, em especial, ter conhecimento na área jurídica e tributária também é indispensável para quem gerencia um negócio próprio e quer evitar multas e prejuízos. Separamos no post de hoje as 4 dicas jurídicas essenciais para o bom funcionamento da sua empresa:

1. Redobre a atenção com os contratos

A primeira dica para os empresários é a atenção redobrada com os contratos, seja com clientes ou fornecedores. Todos os detalhes devem estar bem claros e é de fundamental importância que você leia e entenda todas as cláusulas deste documento para evitar prejuízos futuros. Com contratos bem formulados, você evita dificuldades entre as partes envolvidas, para que sua empresa não sofra calote.

2. Não se esqueça dos Direitos Trabalhistas

Processos trabalhistas costumam gerar sérios problemas e comprometer o orçamento das empresas, por isso é essencial que você tenha muita atenção nas contratações e no pagamento de salário e benefícios. Planeje tudo! Os encargos, a possibilidade de aumento dos salários, horas extra, o valor a ser pago no momento da demissão, a quantidade de funcionários que a empresa precisa contratar e o valor que o orçamento suporta. Dessa forma, você mantém funcionários satisfeiros e evita que a sua pequena empresa quebre.

3. Planeje-se para cumprir suas obrigações

Uma empresa precisa pagar impostos e encargos, logo é preciso planejar o orçamento para evitar surpresas. O primeiro passo é entender qual o é o regime tributário viável para o seu negócio. Acredite, esse fator é determinante para a “sobrevivência” de uma pequena empresa, pois você não comprometerá seus lucros com o cumprimento das suas obrigações tributárias e fiscais. Também é preciso estar atento à itens como a emissão de notas fiscais, que é obrigatória para muitas empresas e pode gerar multas altíssimas.

De modo geral, ter conhecimentos jurídicos só traz benefícios! Além de evitar prejuízos financeiros, isso acaba influenciando positivamente na otimização do trabalho de toda a equipe. Afinal, algumas atividades ou processos não são prontamente executados em razão do receio da empresa em estar ou não dentro da lei. Até vir a resposta de uma assessoria jurídica, muito tempo é perdido e a produção cai drasticamente, o que definitivamente é prejudicial para a equipe e para o faturamento da empresa. Com as informações certas, todos esses problemas são evitados e nenhum tempo é desperdiçado!

Gostou das dicas? Então conheça o Sage One e ganhe ainda mais tempo para focar no sucesso do seu negócio! 

Dia da nota fiscal | Tudo o que você precisa saber sobre emissão de NFe

Reading time: 5 mins

A nota fiscal pode até ser ignorada por boa parte dos consumidores. Mas para empreendedores,…

Saiba tudo sobre o Sistema Tributário Nacional

Reading time: 6 mins

O Brasil é mundialmente conhecido pelo complexo, burocrático e elevado sistema tributário, destacando-se como um dos países com a carga tributária mais…

Lições de grandes gestores

Reading time: 14 mins

Quando estudamos gestão é comum buscarmos inspiração em pessoas que já são referência na área…

//logo menu-new