4 estratégias para organizar as contas de seu negócio
Atendimento via chat

4 estratégias para organizar as contas de seu negócio

Reading time: 5 mins

Qualquer empresa, das menores às maiores, tem dificuldades para organizar as contas e manter seus compromissos e seu caixa em dia. E, embora esse não seja um “privilégio” das empresas pequenas, elas geralmente têm mais dificuldades para fazer isso.

Ferramentas de organização financeira costumam ser caras e um microempreendedor não tem condições de arcar com um custo tão alto sem comprometer suas finanças. Isso é verdade MESMO? Bom, já foi. Com a vinda da tecnologia, muitas opções boas e ao alcance do bolso da sua empresa surgiram.

Além disso, também é possível contar com estratégias de organização para facilitar esse processo de organizar as contas de sua empresa.

Quer saber quais são? Siga lendo algumas das mais importantes, que preparamos no post de hoje.

 

1. Mantenha registro de toda movimentação financeira

Para começar, você precisa agir muito rigorosamente quanto ao registro de toda movimentação financeira do seu caixa. Ao ter em mãos seus comprovantes de pagamento, boletos e notas fiscais — tanto de entrada como de saída — mantenha o registro desses gastos e recebimentos em um arquivo ou programa.

Dessa forma, você sabe, com exatidão, para onde estão indo e de onde estão vindo os recursos de sua empresa.

Para pagamentos e recebimentos futuros, isso é ainda mais importante. O fluxo de caixa ajuda você a manter seus compromissos em dia, como pagamentos de impostos e fornecedores, pois você sabe quando terá saldo em caixa, conferindo as previsões de recebimento de seus clientes.

Assim, controle tanto contas a pagar como contas a receber por meio de seus comprovantes de compra e venda.

2. Arquive seus comprovantes de maneira organizada

Como você vai precisar dos comprovantes para registrar sua movimentação financeira, é importante que eles fiquem separados, bem organizados, até que sejam inseridos nesse controle.

Depois, vale também criar um arquivo em pastas com cada um deles. Lembre-se que, inclusive, é obrigação legal arquivar suas notas fiscais por um período mínimo. Assim, você garante:

    • A organização de suas contas empresariais;
    • O registro de toda a movimentação, sem erros;
    • A segurança de estar de acordo com a lei.

Banner_Blog_Sage-One_sem-limite

3. Conte com o auxílio de um gerenciador financeiro

Você pode fazer seu controle financeiro por meio de uma planilha. Elas são sempre boas aliadas nos processos de uma empresa. Entretanto, há gerenciadores financeiros tanto para a empresa como pessoais a preços e condições bem acessíveis, por serem voltados especificamente para empresas menores.

Essas ferramentas, além de mais completas e intuitivas, ajudam você fornecendo relatórios e gráficos que facilitam sua vida, na hora de entender a movimentação de suas contas. Esse é um investimento que geralmente se paga com muita facilidade, porque você:

  • Economiza em tempo para se dedicar à sua empresa;
  • Evita erros que sujeitam seu negócio a multas;
  • Reduz custos, na medida em que permite que você saiba onde e como economizar;
  • Visualiza bem a movimentação do dinheiro da empresa e sabe em que pontos precisa economizar;
  • Mantém o controle financeiro fácil, sem precisar atualizar ou pagar terceiros para elaborar planilhas.

4. Facilite a emissão de suas notas fiscais

Emitir notas fiscais pode ser uma dor de cabeça, por causa da quantidade de exigências e detalhes do processo:

  • Uso de certificado digital;
  • Demora do emissor da SEFAZ;
  • Cálculo de impostos — como o IOF, por exemplo — de acordo com seu regime tributário;
  • Emissão de CTe etc.

Um sistema de emissão de notas protege você contra erros de preenchimento e torna mais fácil e prático o processo de emitir e organizar notas. Especialmente quando não se tem muita intimidade com notas fiscais (em seus diversos tipos), é fácil cometer erros por desconhecimento e acabar sofrendo alguma multa ou penalização.

Investir em suas notas fiscais é uma das áreas mais importantes de sua empresa e fundamental para organizar as contas de sua empresa. Além disso, é um passo para ajudar você a crescer, portanto, considere essa possibilidade.

Com essas quatro dicas importantes, você consegue dar um passo para organizar as contas de seu negócio e garantir que está fazendo tudo corretamente!

Procedimento Operacional Padrão – POP

Reading time: 5 mins

Independente do ramo de atuação, toda empresa tem um aspecto em comum com as demais: A…

MEI pode ter funcionários?

Reading time: 6 mins

Desde que o Governo teve a iniciativa de permitir que microempresas e pequenos empreendedores pudessem formalizar seus serviços…

Cartão de crédito corporativo

Como controlar compras no cartão de crédito corporativo?

Reading time: 4 mins

O cartão de crédito corporativo é uma ferramenta de valor inestimável para o seu negócio. Ele facilita…